tumblr_static_tumblr_static_3yat2b9gjhwkck8ok40kw4kss_640

Não precisei de regras para nascer poeta

Sonhava com cores, riqueza, floresta

Não precisei de métrica para encaixe

Observava o passarinho verde e o som de praxe

Não precisei de aulas para entender o mundo

Aprendia a simplicidade, apenas o que era profundo

Não precisei de paixão para ser amor

Sorria o despertar, crescer era sentir dor

Não precisei de lápis para um registro

Fazia da minha mente um álbum de resquícios

Não precisei de perdição para ter prazer

Dançava na loucura, comia do bolo, só o glacê

Não precisei de técnica para sofisticação

Abraçava o sublime, me desafiava com paixão

Não precisei de muito para o que digo

Encontrava a poesia, permitia ser infinito.

 

-LP.

Anúncios

3 comentários sobre “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s