NOITES DE VERÃO OU GUERRAS NA TELEVISÃO

L

Aos seus amores todo o meu amor
As suas guerras tem cor de sangue
Ao seu ódio, entrego todo o meu amor
Para vocês deixo um beijo bem grande

Eu estarei bem não importa se ainda dói
Eu sobreviverei, não me pergunte como
Para onde foram os meus heróis?
Sob a sombra da maldade todos temos medo!

Eu não sou Deus, mas sou filho Dele
Eu não sei como será o nosso futuro
Mas o presente já é tempo suficiente

Eu me lembro de coisas que deveria esquecer
E me esqueço fácil das quais eu deveria lembrar
Eu te quis como um amor deve ser,
Mesmo quase sempre beirando o inferno

Ser sincero às vezes me fode!
Mas, eu sei que é só assim que se pode
Atravessar a linha, entre as coisas das quais
eu me lembro que deveria esquecer
E das quais me esqueço fácil que eu deveria lembrar.

L.

*Escrito em 23/08/2010
Reeditado e republicado em 04/04/2016

Anúncios

Um comentário sobre “NOITES DE VERÃO OU GUERRAS NA TELEVISÃO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s