DELÍRIO COTIDIANO

eb1be978bb47c8c323bbd5fe7a97beb2

Enquanto mulheres vendem seus corpos nas minhas esquinas, almas são compradas nas suas igrejas.

Ninguém quer ouvir o que incomoda, é um ultraje contradizer o que nunca foi dito ou comprovado, porém é infinita e estupidamente explorado.

É sórdido e às vezes até cruel.

Eu acreditei em mim mesmo, no que me disseram no que disseram sobre mim e o que sobrou para mim? O que sobrou de mim? Sobras e sombras de um infinito que teve fim.

Enfim:

Eu fui a voz de uma geração que nunca existiu, meus argumentos estão morrendo, logo serão extintos.
Minhas palavras foram discursadas num deserto imaginário, para uma multidão de almas mentirosas e o vento fez delas pouco mais que descaso ou mero esquecimento.

Guardei magoas, guardei fichas que hoje não valem mais, esperei achando que o mundo me esperaria também.
Gritei achando que todos o fariam também, ri dos segredos que nunca contei a ninguém. Eu tenho 24 anos e só, não tenho porra nenhuma para chamar de meu!
Eu moro em um país abandonado, acostumado a ser campeão de fome, futebol e corrupção.

E é tudo tão lindo, nossas praias e mendigos, seus olhos me sorrindo, continuo preso àquele sonho onde estou sempre caindo, acordado ou dormindo.
Eu queria mais uma chance para provar a mim mesmo que todos os sacrifícios realmente valeram a pena.
Eu olho para trás e nada vejo, sem planos com medo e um gosto de amargos desejos.

E em meio a isso tudo eu me encontro, eu encontro você.
Toco suas mãos estendidas, sinto você me salvando de um mar de solidão, rindo, chorando, me fazendo viver e ainda sem saber se acordado ou adormecido.
Eu queria dizer mais, mas não acho as palavras, ainda falta muito.
E muito é sempre pouco pra quem nada quis e teve tudo.
Com você, não vivo morrendo aos poucos, simplesmente vivo.
Faz sentido.
Mas o que eu faço com todo o resto do tempo perdido?

Lucas Alberti Amaral

Leia ao som de The National – About today

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s